Dois portugueses e o negociante faz tudo

Postado em

Conheci dois portugueses que tinha juntos uma frota de taxis.

Durante um ano um trabalhava e o outro tirava ferias, e assim sucessivamente. Um tomava conta, o outro , férias de 1 ano. 1 ANO !!!

Ja o empresario faz-tudo não tem férias. E quando fica doente quem cuida? O problema não é falir com a doença, deixando familiares na mão. O problema são as contas a pagar e compromissos não cumpridos. Estes podem dar em ações judiciais, indenizações. E tem a perda dos empregados, com consequentes ações trabalistas.

Ou seja, se o negocio cresce vc te que se preocupar com a continuidade, e com gerentes e supervisoes. Assim se o negocio expandir, vc tem que ver se vc tem lucro ou só trabalha, e se vc vive para trabalhar

Planeje-se antes de abrir um negócio “rentável” . Anúcios motram sempre o cara de sucesso, sorrindo e feliz. Não mostra o caso dos que quebraram.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s